Home>Cultura>Tudo sobre o Museu Van Gogh

Tudo sobre o Museu Van Gogh

Está localizado na Holanda um museu incrível: o espaço com o maior número de obras de Van Gogh em todo o planeta. Tenha uma prévia antes de visitá-lo!

História do Museu

Trata-se de um museu nacional de arte holandesa, em Amsterdã, dedicado ao pintor Van Gogh e a alguns de seus contemporâneos. Ele foi aberto em 1973, mas em 1999, foi construído um prédio anexo que contém o maior vão de vidro do país, com 12 metros.

Pode-se dizer que quem foi o responsável por emprestar as obras de Van Gogh ao museu foi o sobrinho dele. Porque quando o artista morreu, as obras foram parar nas mãos do irmão Theo. Theo morreu em seis meses e deixou as obras com sua esposa, Johanna. Ela teve um filho chamado Vincent e foi ele quem fez essa entrega direta das telas ao museu.

A belíssima arquitetura 

Localizado em um espaço dedicado a outros dois museus, um de arte moderna e outro de arte e história holandesa, a arquitetura dos prédios é de tirar o fôlego. O prédio construído pelo arquiteto Rietveld é o principal, já que contém o acervo permanente (200 telas, 400 desenhos e 700 cartas, aproximadamente). Tem um formato retangular e conta com quatro andares: térreo (com uma loja, um café e uma exposição introdutória) e mais três andares.

Primeiro andar

Expõe os trabalhos de Van Gogh em ordem cronológica, onde se percebe desde os trabalhos bucólicos até os assuntos mais tempestuosos.

Segundo andar

Oferece informações exclusivas sobre todas as restaurações feitas e realiza exposições menores e temporárias.

Terceiro andar

Exibe obras de contemporâneos associadas ao pintor.

Já o outro prédio, projetado por Kurokawa, é destinado a exposições temporárias. Seu formato é oval e tem três andares.

Na entrada do museu, os visitantes recebem um panfleto que informa mais detalhadamente sobre as obras a serem vistas. Mas ele também conta com visita multimídia e outra voltada para o público infantil, além de outras atividades para as crianças, como caça ao tesouro e workshops.

O site do Museu Van Gogh também conta uma loja, na qual se encontram disponíveis livros variados sobreo pintor, impressos, joias, roupas, itens para casa, itens de papelaria e objetos de decoração com temas sobre Van Gogh.

Obras e exposições do Museu Van Gogh

As obras mais famosas disponíveis no museu podem ser divididas em:

  • 1880 a 1885: Avenida de Álamos no Outono e Os Comedores de Batata;
  • 1886-1888: Caveira com Cigarro Aceso, No Café: Agostina Segatori em Le Tambourin, Campo de Trigo com Cotovia e Vista do apartamento de Theo .
  • 1888-1889: O Zouave, Quarto em Arles, Os Girassóis e A Casa Amarela.
  • 1889-1890: Amendoeira em Flor e Campo de Trigo com Corvos.

Também há esculturas de Rodin, pinturas de Manet e outros.

Funcionamento e valores

Ele se localiza na Paulus Potterstraat 7, em Museumplein. Por conta da pandemia do coronavírus, ele está fechado no momento. Mas a partir do dia 2 de junho, ele funcionará todos os dias das 9h às 18h. Nas sextas-feiras, o horário é estendido até às 21h.

Cada visita dura, em média, 1h15 min, tempo suficiente para a visualização de toda a coleção. Mas se você for durante um horário muito movimentado, como das 11h às 15h pode ser difícil aproveitar todas as obras. Os ingressos custam 19 euros.

Uma dica importante: o número de visitantes é bem alto e os ingressos se esgotam com dias de antecedência. Por isso, compre o ingresso pelo site do museu com algumas semanas de antecedência, para não perder a visita.

Embora o Museu Van Gogh seja extremamente encantador por toda a sua estrutura e ambientação, o principal nele são as telas, certo? Então clique aqui para que você tenha a oportunidade de apreciar e baixar para o seu computador mais de mil obras diretamente do museu! 

 

Luciana
Uma jovem que estuda, trabalha e respira literatura. E sempre que possível está aqui para dar dicas de livros via internet.

2 thoughts on “Tudo sobre o Museu Van Gogh

  1. Olha que coisa boa. Retornamos agora com novidades de museus, e agora teremos a cada 2 semamas.

    Irei visitar seu site para ver as fotos, é triste de lembrar que dois grandes museus brasileiros passaram por incendios nos ultimos anos.

Deixe uma resposta