O eterno marido, de Fiódor Dostoiévski

Há um bom tempo eu não lia nada de Dostoiévski. Pra ser sincera, nem lembro qual o último livro do autor que eu li, mas acredito que tenha sido O crocodilo. Encontrei O eterno marido em uma promoção na Amazon para Kindle. Em abril, o livro estava de graça no site, mas aumentou drasticamente para 0,20 centavos. Isso mesmo que você leu. A trama deste livro … Continuar lendo O eterno marido, de Fiódor Dostoiévski

05 Grandes Escritores Negros

Muita gente acha que a maioria dos grandes clássicos são formados por autores brancos europeus. Mas ao contrário do que muitos pensam, temos grandes homens e mulheres que deixaram um legado de excelentes obras literárias e era negros. Eis alguns desses nomes  Machado de Assis – Brasil (1839-1908) Todo mundo já sabe que Machado de Assis é um dos maiores autores brasileiros. Mas ainda tem … Continuar lendo 05 Grandes Escritores Negros

Amor pelos Clássicos da Literatura – Parte 2

  Iniciei minha história de como comecei a ter hábito de leitura neste post aqui. Hoje é o dia de falarmos sobre como foi minha adolescência junto aos livros, especialmente em outra cidade. Mudança de estado e a realidade Aos 13 anos, me mudei de Minas Gerais para o Distrito Federal. Uma das primeira coisas que me deparei foi a forma como a biblioteca pública … Continuar lendo Amor pelos Clássicos da Literatura – Parte 2

Lucy Maud Montgomery –

A canadense Lucy Maud Montgomery é uma autora lembrada por sua famosa obra, “Anne of Green Gables”, romance que teve uma sequência de outros livros devido ao sucesso de Anne, a principal personagem. Entre seus trabalhos, Lucy publicou romances, contos, ensaios uma autobiografia e até um livro de poesia, aclamado entre os críticos. Apesar do sucesso de todos os seus livros, a sequência de Anne … Continuar lendo Lucy Maud Montgomery –

Viagem Literária – Yasnaya Polyana

“A minha vida não está mais à mercê dos acontecimentos, cada minuto da minha existência tem um sentido incontestável. Agora possuirá o sentido indubitável do bem que eu sou capaz de infundir!”  Liev Tolstoi (Anna Kariênina) Antes mesmo de visitar Yasnaya Polyana, eu sentia essa frase bater em meu coração, mesmo não lembrando dela com detalhes. Depois de hoje (26 de maio), faz mais sentido ainda. Ontem, … Continuar lendo Viagem Literária – Yasnaya Polyana

Gente Pobre

Gente Pobre foi o primeiro livro de Dostoiévski, escrito quando ele tinha 25 anos. Ele é todo composto em forma de cartas trocadas entre os personagens principais, Varvara e Makar. O livro começa com uma carta de 8 de abril de Makar e termina com uma de Varvara, de 30 de setembro. Makar Diévuchkin é um copista de parcos recursos que se derrama em cuidados … Continuar lendo Gente Pobre