Yasnaya Polyana – A fazenda de Liév Tolstói

Todos nós temos um autor preferido. Para mim Liév Tolstói foi quem conquistou meu coração, não só por suas grandes obras, mas pela simplicidade que vivia e suas crenças. Um dos meus grandes sonhos era conhecer Yasnaya Polyana, fazenda que Tolstói nasceu e viveu até sua morte. Em maio de 2018 finalmente realizei esse sonho.

História do local

A Fazenda é situada em uma região central da Rússia (4 horas de trem da capital Moscou), e 30 minutos da cidade de Tula. Yasnaya Polyana significa “clareira limpa”, ela foi comprada pelo bisavô materno, príncipe Sergey Volkonskiy. A propriedade foi passada para o filho Nikolai Volkonskiy, que tranformou o local, aumentando suas terras e desenvolvendo a fazenda ao que Tostói veio a herdar.

Volkonsky fez muitas melhorias em Yasnaya Polyana: pavimentou caminhos, construiu jardins e uma casa maior e até um conservatório. A casa principal é a primeira propriedade que encontramos ao entrar, e fica em frente aos estábulos. Foi ali que O príncipe e sua filha viveram e Tolstói nasceu. Posteriormente o escritor transformou o prédio em uma escola para os filhos dos trabalhadores.

Volkonsky não conseguiu terminar todas melhorias que planejava antes de morrer, em 1821. Sua filha herdou a propriedade e posteriormente passou para o caçula da familia: Liév Tolstói.

Tolstói e a Conexão com o local

Tolstói nasceu em Yasnaya Polyana e sempre teve um sentimento muito forte com o local. O desejo de herdar a propriedade era latente. Quando ele ganhou a maioridade e a fazenda passou a ser dele, Tolstói tentou administra-la mas, a princípio, teve dificuldades com os trabalhadores. Para evitar problemas, decidiu deixar o local e se alistou no exército.

Após seu retorno, agora mais maduro, Tolstói já sabia que queria ser escritor e passou a viver no local e fazer trabalhos manuais ali, mas sua principal função era como escritor. Para ele, o local transmitia paz e inspiração necessária para escrever. Foi em Yasnaya Polyana que Tolstói escreveu suas grandes obras: Guerra e Paz e Anna Kariênina.

A residência erguida pelo avô havia sido vendida anos antes, mas ele retomou e a reconstruiu, dando lugar a uma escola para os filhos dos trabalhadores de sua terra. Tolstói acreditava na educação e disseminou a todos. Sua filha Maria o ajudava nessa função, como secretária da escola.

Após sua morte Tolstói permanece em Yasnaya Polyana. ele foi enterrado na propriedade como era seu desejo.

Transformação em Museu e a Revolução

Após sua morte, Sofia Tolstoya, esposa do escritor, escreveu uma carta ao governo russo informando que o patrimônio que Tolstói criou era importante para as gerações futuras e deveria ser mantido. Ela sugeriu que o governo comprasse yasnaya polyana e transformasse o local em um museu.

O Governo russo recusou a proposta de Sofia, que decidiu então fazer o que estava ao seu alcance. Sofia passou a catalogar tudo que havia dentro da casa onde morou com Tolstoy e manteve o quarto e o escritório do marido intacto. Sua pretensão era trasformar, quando possível, em museu.

Em 1917 iniciou-se a revolução socialista na Rússia. Muitos aristocratas sofreram com duros golpes com a revolta, tendo suas casas destruídas e até mesmo mortos. Porém os revolucionários não tocaram nas propriedade de Tolstói. É importante lembrar que Tostói acreditava no socialismo e escreveu abertamente sobre o assunto. Ele também conhecia Lênin pessoalmente.

Em 1919 a filha de Tolstoi, Alexandra recebeu uma carta o governo informando que yasnaya polyana possui um valor histórico e cultura único e que deveria ser preservado e estaria então sob a guarda do estado. O local foi declarado museu somente em 1921, após esforço de Alexandra.

Há algumas semanas relatei minha experiência ao visitar o museu. Clique aqui para ler o relato anterior.

 

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Um comentário sobre “Yasnaya Polyana – A fazenda de Liév Tolstói

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.