Publicado em Clássico do Mês, Clássicos da Literatura, Escritores, Sem categoria

Clássico do Mês – Frances Hodgson Burnett

250px-Frances_BurnettÀ primeira vista, o nome Frances Hodgson Burnett, pode não significar nada a ninguém. Mas muitos conhecem suas obras ou, pelo menos as versões cinematográficas de seus livros. Ainda não sabe? Então vamos lembra-los: A Princesinha e O Jardim Secreto são duas de suas obras mais conhecidas no Brasil.

Frances Eliza Hodgson nasceu em 24 de novembro de 1849, nas cercanias da cidade de Manchester, em uma família de cinco irmãos. O pai de Frances era um comerciante próspero, mas faleceu quando ela tinha apenas 03 anos. Após a morte do pai, a família passou a ter dificuldades financeiras, o que culminou na decisão de se mudar, em 1865, para o Tenesse, nos Estados Unidos.

 A vida por lá também não foi fácil. As promessas de apoio de um tio nunca aconteceu e a família passou a morar em uma cabana de madeira. Os dois irmãos mais velhos começaram a trabalhar, mas o dinheiro não era suficiente. Por diversas vezes passaram fome, apesar das diversas tentativas de ganhar dinheiro, fazendo bordados ou dando aulas de piano. Cada tentativa havia um motivo: ninguém se interessava pelos bordados, achavam as meninas novas demais para professora, etc . Frances tinha 16 anos quando criou uma escola em sua casa, onde os alunos pagavam a mensalidade com alimentos.

Mas foi aos 17 anos que sua vida começou a mudar. Frances escreveu um conto e enviou a uma revista. Na carta ela deixava claro que sua intenção era ganhar dinheiro com os textos. E finalmente conseguiu o que queria. Seu conto foi publicado e Frances começou a escrever com frequência para revistas, sendo remunerada. Graças a esse trabalho Frances começou a ter dinheiro suficiente para manter toda sua família. Ela também conseguiu economizar e, ao 22 anos conseguiu voltar para a Inglaterra (somente para visitar).

alittleprincessNo ano de 1872, Frances se casou com o médico Swan Burnett e se mudaram para Washington, assim seu nome passou a ser Frances Hodgson Burnett. Até o momento Frances havia somente textos publicados em periódicos, mas em 1872 se tornou autora de romances, lançando Lass o’Lowrie’s (sem título no Brasil), seguido de Haworth’s (1879), Louisiana (1880), A Fair Barbarian(1881) e Through One Administration(1883).

Em 1886 lançou o primeiro romance que ficou mundialmente conhecido: O Pequeno Lorde (ed 34), um livro infantil que conta a história de um garoto pobre de Nova York que descobre ser o Lorde de Fauntleroy.

Apesar de ter muitos livros adultos, foi na literatura infantil que Frances ficou mais conhecida. Além de O Pequeno Lorde, seus livros mais vendidos foram A Princesinha (1895, ed 34) e O Jardim Secreto (1909, ed Penguin-Companhia). As três obras se transformaram em filmes e séries de TV (a Princesinha possui duas versões Hollywoodianas, a primeira estrelada por Shirley Temple).

Frances se casou duas vezes e ambos os casamentos terminaram em divórcio. Ela repartia seu tempo entre os EUA e a Inglaterra e tentava ser generosa com todos. Frances faleceu em 29 de outubro de 1924.

O mês de março será dedicado a essa autora que conquistou um público de todas as idades com livros que se tornaram clássicos da literatura infantil. No decorrer do mês teremos vários textos sobre suas principais obras e suas adaptações ao cinema.

Autor:

Uma jovem que estuda, trabalha e respira literatura. E sempre que possível está aqui para dar dicas de livros via internet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s