Publicado em Literatura, Literatura Brasileira, Sem categoria

Barba Ensopada de Sangue – Daniel Galera

BARBA_ENSOPADA_DE_SANGUE_1350415355PLi o primeiro capítulo de Barba Ensopada de Sangue  (Daniel Galera, Companhia das Letras) na Revista Granta nº 09 (também da Companhia das Letras), com o título de “Apnéia”, que contemplava jovens escritores brasileiros, e fiquei ansiosa esperando que o livro fosse lançado.

A primeira vista o titulo do novo romance de Galera pode parecer pesado, causando um forte impacto, dando a impressão que será uma história pesada e cheia de… sangue.

O personagem sem nome (só fui me dar conta desse detalhe quando comecei a escrever a resenha) busca conhecer a verdade que cerca a morte de seu avô décadas atrás em um balneário no interior do sul. Então, logo após o suicídio de seu pai, nosso protagonista parte para viver em Garopaba, onde o avô morava e foi supostamente assassinado.

Por causa de um problema neurológico o personagem principal não consegue guardar a fisionomia das pessoas, fazendo com que ele se atente e apegue aos detalhes de personalidade dos que passam por ele e começam a fazer parte de sua vida. E aqui, Galera criou personalidades de uma forma incrível.

Ao mesmo tempo, ele empreende a busca pela verdade no caso da morte do avô, Gaudério. Sempre acompanhado por Beta, cadela do falecido pai, o professor mergulha na investigação sobre o misterioso Gaudério, esquadrinhando as lacunas do pouco que lhe é revelado, a contragosto, pelos moradores mais antigos da cidade.

A busca obsessiva por um objetivo, o descobrimento, amores e a perda são traços que para mim, marcaram muito a obra “Barba Ensopada”, tanto quanto no outro romance do autor que li, “Cordilheira“.

O texto de Daniel Galera é elogiado por diversos jornais e revistas e os leitores não ficam atrás. Qualquer pessoa que leu sua obra se surpreende ao encontrar uma narrativa empolgante, e em “Barba..” não é diferente.

Uma narrativa cheia de tensão e mistério. Com diálogos dinâmicos e muito bem construídos, uma cronologia de acontecimentos de tirar o folego, faz com que a leitura de “Barba…” flua de uma maneira que não te deixa respirar. É o tipo de livro que tu quer ler o mais rápido possível, e que te deixa triste quando vê que a história chegou ao final. E os direitos já foram comprados para o cinema. Acho que vai ser um filme incrível.

Autor:

Uma jovem que estuda, trabalha e respira literatura. E sempre que possível está aqui para dar dicas de livros via internet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s