Home>Resenhas>Caixa de Pássaros – Josh Malerman

Caixa de Pássaros – Josh Malerman

Famoso após se tornar filme na Netflix, a obra passou a ser muito procurada entre leitores. Conheça um pouco mais do livro Caixa de Pássaros.

 

Alguns livros conseguem feitos que, muitos que empoeiram em paz nas prateleiras de sebos ou livrarias, não conseguem. Talvez seja pelo momento, livros têm dessas coisas caso não saiba. Provavelmente, Josh Malerman percebeu o instante ideal para largar um pouco do microfone e sentar em uma cadeira e libertar suas ideias. Eis que nasce: Caixa de Pássaros.

O sucesso do livro foi tão grande, que, bastou alguns meses para se transformar em um filme original da Netflix e, cultuado e discutido por todos os usuários da maior empresa de streaming do mundo. Claro, além disso, o filme contou com Sandra Bullock, recém vencedora do Oscar de Melhor Atriz por Um Sonho Possível que já traz uma grande expectativa.

 

Sobre o livro a Caixa de Pássaros

 

Como todo produto importado, Caixa de Pássaros caiu no gosto dos brasileiros que, correram para as livrarias e sites de vendas de livros para garantir seu exemplar e garantir que conseguissem compreender o assunto do momento.

O livro tornou-se supervalorizado, talvez pelo fato de ter sido escrito por um músico famoso. Enfim, a ideia é interessante, contudo, tanto o livro, quanto o filme, contam com idas e vindas em situações que acabam quebrando a tensão que se aguarda ao virar a próxima página.

Josh Malerman escreve relativamente bem, contudo, talvez pelo fato de Caixa de Pássaros, ser seu trabalho de estreia, é perceptível, pelo menos para os leitores mais exigentes e acostumados com grandes leituras, sua falta de intimidade com as palavras e o próprio desenvolvimento de sua estória. 

A ideia de Malerman é interessante, cativou uma grande parte do mundo, porém, a imparcialidade do mundo das artes precisa falar mais alto. Claro, isso não quer dizer que escreva mal, pelo contrário, escrever é uma arte que vamos aprimorando a cada nova obra.

Entretanto, impossível não levar em consideração o fato do autor ser um cantor de sucesso e de sua profissão ajudar nas vendas de seu livro de estreia. É preciso fazer justiça aos escritores que escrevem tão bem quanto. Provavelmente, Josh Malerman não ouviu tantos “não” como J.K. Rowling que não era ninguém antes de seu sucesso.

Josh nos presentou com um mundo pós-apocalíptico diferente do que costuma-se ver por aí. Podemos dizer que foi um dos primeiros dessa leva de produções com criaturas misteriosas e enigmáticas. Outro que podemos citar é Um Lugar Silencioso, porém, ao contrário de Caixa de Pássaros, conseguimos ver as criaturas.

E foi esse detalhe que tornou o livro e o filme, dignos de dominar a maioria das rodinhas de conversa sobre filmes ou cinema. O mundo de hoje, para qualquer evento inesperado, cria-se uma teia de teorias de conspirações que, sendo verdades ou não… Não importam, são divertidas.

Malerman não apresenta as criaturas, sabemos apenas que, quando alguém a olha, enlouquece e se mata e, como os mistérios da vida após a morte, ninguém no livro tenta explicar esse fato e muito menos, dizer como são as ditas criaturas. Outro ponto que vale destacar é o fato do autor se limitar em chamar as duas crianças do filme de: garoto e garota.

Caso não tenha lido, fica a dica: Ensaios sobre a Cegueira de José Saramago, também utiliza esse tipo de recurso, de não dar nomes aos personagens, que se liga à estória contada não claramente, mas sim, em suas entrelinhas.

Caixa de Pássaros é um livro que vale a pena ser lido, que, com certeza, garantirá ótimos momentos de diversão ao leitor e ainda, o levará para “ns” tentativas de explicação para o que acontece e o que, possivelmente poderá acontecer no decorrer daquele livro. 

 

Sobre o autor

 

Josh Malerman é um autor americano e o vocalista da banda de rock The High Strung. Atualmente vive em Ferndale, Michigan. Malerman primeiro começou a escrever enquanto na quinta série, onde ele começou a escrever sobre um cão que viaja no espaço. Desde então, ele já escreveu vários romances inéditos e seu romance de estreia Caixa de Pássaros foi publicado no Reino Unido e nos Estados Unidos em 2014 para muito aclamado pela crítica.

 

Sinopse da editora

 

Um thriller psicológico tenso e aterrorizante, que explora a essência do medo. Uma história que vai deixar o leitor completamente sem fôlego mesmo depois de terminar de ler. Basta uma olhadela para desencadear um impulso violento e incontrolável que acabará em suicídio. Ninguém é imune e ninguém sabe o que provoca essa reação nas pessoas. Cinco anos depois do surto ter começado, restaram poucos sobreviventes, entre eles Malorie e dois filhos pequenos. Ela sonha em fugir para um local onde a família possa ficar em segurança, mas a viagem que tem pela frente é assustadora: uma decisão errada e eles morrerão. (Resenha: Caixa de Pássaros – Josh Malerman)

 

Assinatura

 

Colaborador Beco das Palavras
Os textos publicados aqui são produzidos pelo colaborador que assina cada artigo, sob supervisão e revisão de Luciana Assunção.

Deixe uma resposta