Carrie, a Estranha

Depois que peguei este livro emprestado com uma amiga, soube que teria de fazer uma resenha, mas a minha principal pergunta seria como? Apesar de uma leitura fácil e com acontecimentos surpreendentes, muitas vezes me vi perdida em que lado da história ficar e mesmo agora, escrevendo para vocês esta resenha, não consigo decidir. Stephen King é um gênio, até agora vejo as cenas descritas neste livro. Carrie nao é mais um simples livro do mau X bem, é um livro que te faz pensar, qual é o verdadeira mau?

Em resumo rápido a historia de Carietta White, ou Carrie como é chamada é muito dificil, logo no começo já nos deparamos com uma garota com medo do mundo e não é por falta de argumentos. Sua mãe Margaret White, uma fanática religiosa, que beira a loucura, praticamente exclui a filha do mundo moderno com seus rituais para “Deus”, a sua crença sem limites, com suas surras na filha e o que ela supôe ser certo, faz com que Carrie se torne uma piada para todos, com seu jeito de vestir diferente, sem maquiagem, sem cuidados, sem opniões próprias e é claro que quando vai para a escola já se torna o bode-espiatorio de todos, piorando com o passar dos anos.

O livro mostra claramente as zombações e o sofrimento desta jovem garota de 16 anos que desde sempre foi humilhada por todos ao seu redor.

Jesus me observa da parede. O seu rosto fria pedra. Se ele me ama. Como ela diz. Por que estou tão infeliz? “Carrie 7ª serie”

Isto tudo deixa o leitor com pena de Carrie o bastante para que quando ela percebe seu dom de telecinese (capacidade de mover objetos com a força do pensamentos) ficamos felizes por ela ter como se defender das constantes ameaças, mas este dom usado de forma errada pode ser fatal, tanto para quem o usa ou para as pessoas ao redor, mas bem, para alguem que ja sofreu tanto e só quis ser aceita, a vingança para Carrie nunca pareceu tão atraente.

O livro mostra as trasnfosmações de Carrie que no começo era alguem calada, sem vontade e vida propria, um ser humano sem luz, que mais tarde se vê forte e dominado a telecinese, sendo assim enfrenta a sua mãe para ir ao um simples baile de escola.

Mas é claro que toda historia de terror precisa de acontecimentos chocantes e é isto que presenciamos, quando Cris, uma garota mimada e rica resolve se vingar de Carrie por ter sido banida do baile e com ajuda de seu namorado Billy, um delinquente (que novidade!), jogam sangue de porco na pobre garota quando é proclamada rainha do baile que eles mesmo sabotam, e o pior era que Carrie estava linda, se communicando como uma adolencente, desabrochando para vida.

Sangue de porco, para uma porca”

Carrie se sente massacrada com as risadas de seus colegas de baile e foge, mas algo nela não esta legal e ela volta, um odio crescente, um sentimento ruim, e desta vez a garota quase inesistente e boazinha tem uma ideia em mente, botar fogo na cidade, literalmente.

O leitor e o livro se tornam um só a partir deste momento, e me fiz uma pergunta, De que lado estava? dos moradores que era mortos? Ou de Carrie? Ate agora não consegui a resposta certa. Carrie precisava de ajuda e ninguém se preocuva, apenas a humilhavam, mas em certa parte voce lê argumentos de algumas pessoas e se pergunta se Carrie era realmente a certa? Matar nao é exatamente uma boa opção.

O livro é uma mistura certa de drama e terror, o autor certamente conseguiu o que queria quando o escreveu, as páginas me tocaram do começo ao fim e no final eu apenas queria ler mais. (li novamente 3 vezes
oO)

Eu gostei desta grande obra de Stephen King, havia tudo que precisava para tocar o leitor, bullying, fanatismo, brigas, humilhações, mortes, incertezas, e como complemento reportagens sobre a vida de Carrie, pequenos trechos de estudiosos falando sobre a telecinese, fazendo a historia parecer tão real como o leitor estivesse lendo ao jornal, ao uma revista cientifica. Eu como uma fã de Stephen King, adoro este livro, é uma otima pedida para quem gosta de contos de Terror.

Filme: Eu ainda não assiti o filme, mas se ele for igual ao livro com certeza vale a pena, para quem gosta de passar um final de semana com os amigos e um balde de pipoca e um bom filme não perca a chance. Então fica a dica e não importa se vocês vão ler ou assistir, a história é um passa-tempo sem igual.

Por Junior Nascimento

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.