Curtíssimas #2

Confira a agenda cultural da semana no Beco das Palavras

 

Teatro

A 21o edição da Cena Contemporânea, festival internacional de teatro de Brasília, está no ar até o dia 11 de dezembro com diversas apresentações gratuitas e que podem ser conferidas no site do evento. Confira a programação completa e o link para cada uma das atividades no link: https://2020.cenacontemporanea.com.br/programacao/

 

Oficina

O diretor de criação do Facebook, o brasileiro Fábio Seidl, participa do Workshop Internacional Escola de Séries, discutindo criatividade, negócios e inovação. As atividades são online, contam com tradução simultânea e vão até o dia 11 de dezembro com inscrições no link: https://www.autoria.com.br/

 

Espetáculo presencial

A peça Além da Vida, inspirada na obra do espírita Chico Xavier, terá apresentações presenciais no Teatro Fernando Torres em Tatuapé-SP, nos dias 05 e 06 de dezembro. Para evitar aglomerações na entrada do teatro, os ingressos estão disponíveis pelo Sympla no link. A montagem original da peça, produzida nos anos 1980, contou com mais de 2 milhões de espectadores e traz a abordagem do tema da vida após a morte. A direção atual é de Cristiane Natale.

 

Oficinas de Música

Iniciativa da Poiesis traz a cantora, pesquisadora e regente Dani Mattos em três oficinas de musicalização erudita online e gratuitas. Confira no canal do projeto Oficinas Culturais do Estado de São Paulo no Youtube: Oficina virtual de musicalização Villa-Lobos para todos (link); Vinicius — O poeta amador (link); e Introdução à opera (link).

 

Streaming

A Disney+ chegou no Brasil em novembro e fornece, ainda, um catálogo pequeno comparado ao arsenal da empresa. Muitos programas ainda não foram dublados — por motivos da pandemia –, e estão oferecidos apenas na dublagem de Portugal. O aplicativo ainda é pouco intuitivo, por exemplo, não permite lista de episódios durante a exibição do capítulo, mas já garante a diversão para a família. E diante disso, foi lançado (finalmente!), o filme Mulan, com atores. O que posso adiantar é que de longe é o melhor filme dos remakes realizado até o momento. Sem o humor do musical em desenho, a história garante a tão sonhada aventura em terras Chinesas com batalhas e quebra de paradigmas que só uma heroína do século XXI disney pode proporcionar. Ao contrário do mencionado por diversos sites de entretenimento, pelo menos no Brasil, o filme está no catálogo sem compra adicional.

Deixe uma resposta