Publicado em Literatura, Literatura Brasileira

O Cerne Da Matéria

cerne-matériaDesde os primórdios dos tempos o ser humano tem consciência da complexidade e dos mistérios que envolvem sua existência e a do mundo que o cerca. Ao longo do tempo e da história todos nós fizemos as clássicas perguntas sobre de onde viemos, sobre como surgiu o mundo e do que ele e nós somos feitos, entre outras questões e dúvidas fundamentais. A curiosidade e a própria angústia de desejar descobrir a realidade das coisas tem movido a humanidade  a buscar respostas e explicações através da religião, da filosofia e da ciência. Em o Cerne da Matéria,  da Editora Companhia Das Letras, uma parte da história dessa busca por respostas nos é apresentada através do prisma da física de partículas.

A busca científica pela compressão do Universo e da matéria que originou a vida, por parte da física de partículas foi movida nas últimas décadas pela tentativa de comprovar a existência do Bóson de Higgs que ficou conhecida como partícula-Deus, a partícula que segundo os físicos  dá massa a todas as coisas.Para se comprovar a existência do Bóson de Higgs foi necessária idealização e o desenvolvimento de tecnologias para detectar essa partícula o que resultou nos aceleradores de partículas, e mais precisamente no mais moderno acelerador da atualidade o LHC, ou Large Hadron Collider que foi construído do CERN que é hoje o mais avançado centro de pesquisa em física e está situado em Genebra na Suíça. No entanto entre as primeiras ideias e descobertas dos físicos teóricos e o funcionamento pleno de aceleradores de partículas potentes houve uma longa caminhada.

E essa caminhada não é definida unicamente pela vontade  dos cientistas em descobrir e avançar no conhecimento das coisas. Os rumos e avanços da ciência dependem e ainda vão depender também de fatores como política, economia , surgimento de Guerras, e da própria barreira tecnológica.Todos esses fatores determinam, atrasam ou mudam os rumos das pesquisas.E todos os obstáculos gerados por esses fatores surgiram e tiveram de ser contornados e resolvidos para que a pesquisa pudesse atingir os patamares atuais.

Por se tratar de um livro de base científica, escrito por um físico teórico sobre um assunto tão complexo e controverso, poderia se esperar o texto fosse primordialmente um texto técnico e voltado para estudiosos da área, em outras palavras, poderia se esperar que esse livro fosse terrivelmente entediante para os leigos que se aventurassem em sua leitura.Não é o caso do livro de Rogério Rosenfeld.O Cerne da matéria é um livro acessível e compreensível a todos os públicos. Apesar de em muitos momentos  vários conceitos e termos da física serem apresentados e analisados, o livro tem um viés mais histórico e popular no melhor sentido do termo. A física nesse contexto acaba por se tornar mais compreensível e interessante para aqueles que não são estudiosos da área.

Essa desmistificação e tentativa de aproximar o grande público dos propósitos , avanços e até das limitações da física de partículas é extremamente necessária diante do fato que naturalmente ficamos apreensivos quando pensamos no desenvolvimento e na manipulação científica de elementos e tecnologias que podem resultar em coisas perigosas e danosas como bombas atômicas, ou qualquer outra arma ou tecnologia que possa oferecer riscos ao planeta ou serem usados para matar e ferir em massa.

Essas ideias de uma ciência perigosa ou com propósitos malévolos  que pode estar no imaginário popular desperta reações e atitudes alarmistas e sensacionalistas nas pessoas, estejam elas bem ou mal intencionadas. Na introdução do livro um desses exemplos de divulgação alarmista com efeitos trágicos é dado. Após ver notícias sensacionalistas na mídia por ocasião do início do funcionamento do LHC que segundo alguns poderia dar início a eventos catastróficos na Terra, uma jovem indiana cometeu suicídio. Um exemplo triste de como o nosso medo e incompreensão diante da ciência podem resultar e tragédias e equívocos.

A descoberta do Bóson de Higgs aconteceu e foi um passo importante para a ciência, mas pouco se sabe ainda sobre o Universo, a vida e a matéria se levarmos em conta a imensidão das questões sem respostas. Apesar de ter contribuído indiretamente para o desenvolvimento de tecnologias e avanços científicos a pesquisa nessa área  é movida pelo simples desejo e busca pelo conhecimento humano,  o que para muitos talvez não justifique o investimento de milhões de dólares que a pesquisa demandou até hoje e demandará para que possa prosseguir.

Nosso cotidiano, nossa vida na prática não vai mudar com a descoberta da existência do Bóson de Higgs.De modo geral a pesquisa científica em muitos aspectos pouco elucidou os mistérios da existência, mas as paixões, os desafios e as dúvidas que movem a ciência e o espírito humano não podem ser evitados e ignorados, nem muito menos serem vistos como desnecessários.Essa busca deve continuar com humildade e com bom senso e também com o conhecimento do que se fez e se tem feito no campo científico.Diante disso o livro de Rogério Rosenfeld é um instrumento eficaz e interessante para leigos que querem dar os primeiros passos rumo a esse propósito.

Um comentário em “O Cerne Da Matéria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s