Home>Cultura>Música>Diana Krall

Diana Krall

Diana Krall nasceu em 16 de novembro de 1964 e desde pequena esteve em contato com a música. Sua avó gostava de cantar nos encontros de família e o mais interessante, Jim e Adella, os pais de Diana costumavam se revezar no piano para acompanha-la.

Devido ao interesse da pequena Diana por música e piano, os pais matricularam-na aos quatro anos de idade para ter suas primeiras aulas do instrumento na expectativa que a filha seguisse os passos musicais da família.

Entretanto, o que ninguém esperava era que Diana, por causa das músicas que ouvia em um antigo rádio, se apaixonaria por Nat King Cole, Bill Evans e Frank Sinatra. Isso aconteceu aos quinze anos, quando estava entrando para o ensino médio.

Nessa idade, Diana já demonstrava claramente seu talento e acabou fazendo parte de um grupo de jazz de estudantes, porém, seu talento era grande demais e começou a ser notado, levando-a para realizar shows em restaurantes em sua cidade natal.

Em 1983, conseguiu uma bolsa de estudos na Berklee College of Music de Boston, assim que se formou, retornou para sua cidade natal Nanaimo. Diana era uma pianista tão talentosa que acabou chamando atenção de Ray Brown, vencedor de um Grammy e ex-marido da falecida Ella Fitzgerald.

E foi depois desse encontro que a carreira de Diana Krall, começou a deslanchar. Ray e Jeff Hamilton, um amigo baterista, convenceram Diana a se mudar para Los Angeles, ao chegar a cidade, começou a estudar piano com o renomado Jimmy Rowles e sua carreira de cantora teve início.

Foram três anos vivendo em Los Angeles enquanto aprimorava suas habilidades vocais, após esse período, mudou-se para Nova York em 1990 para mergulhar de cabeça na cena do Jazz de uma das maiores cidades do mundo. E foi esse passo que proporcionou a gravação de três álbuns entre 1993 e 1996.

Depois do sucesso de seus primeiros registros, em 1996 recebe o reconhecimento profissional por seus trabalhos. O seu terceiro registro All for you: a dedication to the Nat King Cole Trio, ficou na parada Billboard durante 70 semanas, e consequentemente, acabou ganhando um Grammy.

Em 1999, seu novo trabalho, When I Look Into Your Eyes, obteve novas indicações ao Grammy e foi o responsável por colocar Diana como o melhor músico de Jazz do ano. No ano de 2000 foi a vez de excursionar com um dos grandes nomes da música americana, Tony Bennett, por vinte cidades.

Ainda em 2000, Diana recebeu a homenagem da Ordem da Colúmbia Britânica por sua contribuição à cultura canadense e, foi reconhecida como embaixadora de sua região. Em 2001, lança o Live in Paris, e realiza a sua primeira turnê mundial em setembro. O registro ocupou as primeiras posições dos lançamentos canadenses e lhe rendeu mais outro Grammy.

No dia 6 de dezembro, Diana se casa com Elvis Costelo na propriedade de Elton John. O casamento entre as duas estrelas gerou um novo álbum em 2004, The Girl in the Other Room, o qual, Elvis ajudou sua noiva a compor as próprias canções. O que lhe rendeu o ingresso na Calçada da Fama em Toronto.

E exatamente seis anos após o casamento de Diana e Elvis, nascem os gêmeos: Dexter Henry Lorcan e Frank Harlan James.


Assinatura

Luciana
Uma jovem que estuda, trabalha e respira literatura. E sempre que possível está aqui para dar dicas de livros via internet.

Deixe uma resposta