Publicado em Cinema

O Fabuloso Destino de Amélie Poulain

Assisti a este filme em 2006, quando meu chefe na epóca (JR) me emprestou. Amei e hoje é um dos meus preferidos.

Amélie Poulain é uma jovem francesa que tem feito milhares de pessoas mudarem suas vidas após conhecê-las. O filme, conta a história da jovem Amélie (muito bem interpretada por Audrey Tatou), que desde pequena não tem muito contato com o pai (mas o ama indescritivelmente) e trabalha em um café.

Muito tímida e com uma vida pacata, Amélie tem sua vida mudada ao ser noticiado a morte de Lady Di. Respondendo a perguntas que possam vir à cabeça: não, não é um filme sobre Lady Di, mas ao saber da notícia, pequenas ações de Amélie fazem com que ela descubra em sua casa um esconderijo – local onde uma criança anos atrás escondeu seu pequeno tesouro em uma caixinha de metal.

Ao se deparar com isso Amélie decide encontrar o dono da caixinha e devolvê-la. Assim ela começa a mudar sua forma de viver e buscar ajudar as pessoas à sua volta com ações que vão desde pequenas coisas (como descrever a um cego as coisas que se passam à sua volta) à dar uma forcinha a seu pai para realizar sonhos que ficaram no passado. Nesse ínterim Amélie acaba mudando seu próprio destino e se apaixonando e sua timidez, é claro, não irá ajuda-la a resolver a situação.

Informações Interessantes:

fotografia enviada ao pai de Amélie do seu anão desaparecido.

O filme tem uma fotografia esplendida. Usando cores fortes (utilizando a tecnologia digital para isso) a produção de Amélie Poulain fez com que a França se enchesse de alegria e cores. A idéia surgiu dos quadros de um artista plástico brasileiro chamado Machado. Com isso o filme conseguiu 5 indicações ao Oscar em 2002.

A trilha sonora muito bem produzida por Yann Tiersen nos faz entrar no universo do filme e transforma o ambiente quando o filme está passando.As musicas são tão boas que já foi tocada no GLobo Repórter e em diversos informes publicitários para TVs e rádios. O músico também ficou famoso pela trilha do filme Adeus Lênin.

Do inicio até o final, o filme nos faz rir e torcer por Amélie. A forma criativa como a personagem age quando se propõe em ajudar os amigos é simples mas nos faz ficar maravilhados. Como gravar cenas da TV para o vizinho ou roubar o anão de jardim do pai e enviar uma foto do adorno em pontos turísticos importantes do mundo. Como ela conseguiu isso? Só assistindo O Fabuloso Destino de Amelie Poulain.

Compre o filme clicando aqui.

Autor:

Uma jovem que estuda, trabalha e respira literatura. E sempre que possível está aqui para dar dicas de livros via internet.

44 comentários em “O Fabuloso Destino de Amélie Poulain

  1. Um dos meus preferidos…
    Fotografia e trilha sonora perfeitos!
    É de uma sensibilidade tremenda…
    Grande produção cinematográfica!

    Bom post!

    Seguindo-a.

  2. Nossa, eu adorei este filme!! Boa dica!

    visite o meu blog, o ultimo post fala sobre a ameaça pela construção de um estaleiro em Florianopolis.

  3. Ah, Amelie… Preciso assistir de novo, quase nem lembro mais da história direito, do jeito do filme. Só lembro que quando eu assisti eu amei! 🙂

  4. Oi Luciana!

    Vou procurar esse filme para assistir. Já é a segunda pessoa que vejo (leio) falar bem desse filme…gosto de filmes que trazem reflexão e esse me parece ser um deles…hehehe. Valeu pela dica!

    Abraço

  5. Esse filme é fascinante … o enredo, a fotografia, a trilha sonora, os atores, o gnomo …
    Sou completamente suspeita com filmes franceses, são meus preferidos … (sou meio anti-holywoodiana)
    Tem um filme com a mesma atriz que quero indicar pra vc (já na maior cara dura hahahah) é o Bem me quer, Mal me quer… se vc ainda não viu assista que você vai gostar … outro interessante é a “culpa de Fidel” apesar do nome é francês também … mãs, eu posso ficar aqui a noite inteira recomendando filmes franceses hahahaha (vou parar por aqui rs…) muito bom seu blog !!!! é uma pena não ser do blogger porque eu com certeza seguiria !!! beijos

  6. Ah, você descreveu tão bem o filme que deu vontade de ver! Não vou esquecer de procurar por ele, haha.
    E, adorei seu blog, to seguindo. Segue aqui também?

    Beijo,
    @natiemello

  7. a historia do filme começa muito como se alguém tiver-se narrando uma historia infantil, essa historia cada detalhe da vida dos outros, mais não detalhes que chegam a ser marcantes tipo” essa pessoa é um heroi de guerra” conta as pequenas coisas como ele gosta de cuspir 75 vezes no chão e tem que ser no mesmo piso, ele conta da historia de amelie poulan como já diz o nome do filme, ela fica num imaginário, e ela tentar fazer os outros acreditaram no que é difícil de acreditar podem assistir um filme.

  8. Não tinha ouvido falar desse livro ainda, mas parece extremamente interessante, vou conferir.
    @Senna8D
    Pra promo do coolturenews.

  9. Nunca vi esse filme, mas pelo que li agora parece ser muito divertido. Adoro filmes que podemos assistir só por diversão. Vou ver se consigo aqui para assistir. ^^

  10. Não conhecia o filme, mas ele não faz muito o meu estilo, não me interessei muito.

    Thiago de Andrade Alonso
    @thiagodadfox

  11. Lembro da primeira vez que vi algo sobre este filme. Fiquei curiosa no mesmo instante e procurei muito pra assistir, mas não encontrei. Nesse meio-tempo, sempre via boas indicações sobre ele.

    Foi muito bom quando vi a promoção aqui no Beco, e qual não foi minha surpresa em saber que tinha ganhado. Assistir O Fabuloso Destino de Amelie Poulain foi simplesmente fantástico. Desde os primeiros instantes pude sentir a leveza, alegria e diversão do filme que me fizeram rir muito.

    As fotografias dignas de nota, a história em si, a trilha sonora, tudo se encaixa perfeitamente. Amelie Poulain retrata muito mais de nossas vidas do que podemos pensar.

    Assisti na sexta e no domingo à tarde reassisti junto com Lei. Foi muito engraçado… Ele também gostou muitíssimo.

    Obrigada Lu.

  12. Amelie é aquele filme que vc pode assistir centenas de vezes e nunca enjoar. Sempre vemos mais coisas, lembrando de pontos que nos lembram como devemos viver.

    Fico feliz em saber que gostaram. MAs tbm, não tem como não gostar.

  13. Eu assisti este filme no curso de francês o ano passado e gostei muito é uma boa sugestão para quem está começando estudar agora ,por que você assiste várias vezes para conseguir interpretar a história e não é cansativo e é bem divertido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s